Com a chegada do Coronavírus em nosso país, o isolamento social foi instituído e junto dele, dentre muitos problemas, dois me chama atenção: a quantidade de informações e a ansiedade gerada por elas.

Quanto mais permanecemos em casa, com nossa rotina desfeita e com muitas informações sobre a pandemia chegando pelas mais diversas fontes, uma mistura de medo e ansiedade faz com que sensações ruins se tornem sintomas físicos. Um sintoma muito comum que tenho visto neste momento é a falta de ar e o aperto no peito como se o ar respirado não fosse o suficiente para preencher nossos pulmões.

Estes sintomas descritos acima podem ser atribuídos sim a ansiedade, contudo fazem parte de algumas doenças como a asma por exemplo. É importante neste momento, diferenciar as coisas, mas isso se torna muitas vezes difícil, principalmente para aqueles já portadores de asma e que ficam na dúvida se estão ansiosos ou descompensados da doença.

Evite usar medicações por conta própria sem orientação do seu médico pneumologista. Está na dúvida – é difícil mesmo e completamente compreensível – entre em contato com ele, marque uma consulta.

Neste momento o mais importante é sua saúde pulmonar e mental perfeitas para juntos passarmos por este momento difícil.